Raimundo João de Santana

Pastor da Igreja Assembleia de Deus
Presidente da Convenção Estadual de Ministros

Raimundo João de Santana nasceu em Nísia Floresta no dia 13 de dezembro de 1924. Seu pai era pescador e chamava-se Pedro João de Santana, e sua mãe foi Jovelina Angelina de Santana. Sua família mudou-se para Natal quando ele tinha seis anos e, assim, Raimundo foi alfabetizado na Escola São Vicente de Paula, que era dirigida pelo professor Ulisses de Góis. Raimundo Concluiu também o curso de Contabilidade. Nesta profissão ele trabalhou na firma exportadora de algodão de José Brito Lira por Dezessete anos.

Com dezoito anos Raimundo João converteu-se aos ensinos evangélicos, e por ouvir as pregações e estudar a Bíblia Sagrada, aos vinte e cinco anos foi consagrado para o Ministério de Presbítero, passando a dirigir igrejas. A primeira que dirigiu ficava em Igapó, e depois ele passou por inúmeros bairros de Natal. No munícipio de Caicó atuou por onze anos a frente da Igreja Evangélica Assembléia de Deus. Ali fundou uma escola de alfabetização e um centro social profissionalizante.

Otávio Gomes de Castro foi pioneiro em Parnamirim na fundação da Assembléia de Deus, ‘’Á frente dos trabalhos, humanamente falando, tivemos os pastores José Cardoso de Souza, Inácio Duarte de Carvalho, Francisco Taveira da Cunha, a minha pessoa e, recentemente, o pastor Elinaldo Renovato’’, Historiou.

Raimundo João de Santana aqui chegou em 1972, vindo do Seridó, e dirigiu a igreja por vinte e sete anos. Ele e casado com Ivone Oliveira de Santana. São filhas do casal Mirian Oliveira (já falecida), Marli de Oliveira Santana, Marlene de Oliveira de Santana e Marlúcia Oliveira de Santana.

O pastor Raimundo é diplomado pela Escola Bereiana do Rio de Janeiro em teologia. Além disso, possui o diploma internacional da Convenção Pan-africana das Assembléias de Deus Missionárias. Recebeu título de cidadania em Parnamirim, proposto pelo vereador Ivan Bezerra e em outras localidades do Estado. O mais recente foi de ‘’Cidadão Natalense’’, oferecido pelo vereador Antônio Jácome.

Com a morte do pastor João Gomes, o pastor Raimundo Santana assumiu a presidência da Convenção de ministros da Assembléia de Deus no Rio Grande do Norte e integra o conselho de doutrina da Convenção Gral do Brasil.